Consumidores tornaram-se mais impacientes, diz estudo da Oracle Food and Beverage


Grande Consumo



Com novas variantes do coronavírus e problemas causados pela pandemia na indústria da restauração, o estudo da Oracle Food and Beverage mostra que os consumidores apreciam as novas opções tecnológicas para encomendar e recolher alimentos, mas também os tornam mais impacientes.


O estudo “Restaurant Trends for 2022”, conduzido pela Untold Insights, foi realizado em setembro de 2021 através de um inquérito a mais de 5.700 consumidores em 11 geografias, incluindo a Europa. De acordo com o estudo, mais de 80% dos inquiridos diz ficar impaciente quando o tempo de espera para encomendar no balcão ou drive-thru é superior a cinco minutos e mais de 20% admite ficar incomodado quando espera dois minutos para encomendar no drive-thru. Para aqueles que comem na loja, pouco mais de 40% diz que se irrita quando espera cinco minutos para fazer a sua encomenda e 38% sente que tem menos prioridade do que quando encomenda online.


Satisfeitos com as novas tecnologias


Os resultados do estudo demonstram o otimismo e a procura crescente da utilização da tecnologia em toda a experiência do cliente no sector dos serviços alimentares. Também ilustra o impacto positivo da utilização da tecnologia nos processos de fidelização, redução de custos e influência do consumidor.


Além disso, o estudo deteta uma forte correlação entre a transparência das marcas e dos restaurantes nas suas iniciativas de sustentabilidade e impacto ambiental para construir a lealdade dos clientes e atrair novos consumidores.


Encomendas realizadas online e por telemóvel foram uma salvação para os restaurantes fechados durante a pandemia e continuam a proporcionar rendimentos estáveis”, refere Simon de Montfort Walker, vice-presidente sénior e diretor geral da Oracle Food and Beverage. “Há medida que os restaurantes, já por si com falta de pessoal, vão reabrindo, são confrontados com a forma de gerir as refeições presenciais e as entregas e, ao mesmo tempo, satisfazer as crescentes expectativas dos consumidores em termos de rapidez e serviço. A tecnologia que ajuda as suas cozinhas a gerir e a cronometrar os pedidos, através de múltiplos canais, será fundamental para manter o ritmo e assegurar a lealdade e a satisfação do cliente“.


A ascensão da recolha na loja


A recolha na loja (ou click & collect) continua a ser uma opção popular que determina não só onde as pessoas escolhem comer, como também a sua lealdade a uma marca. 59% dos inquiridos gastaria mais se o sistema click & collect de um restaurante estivesse disponível.


63% dos consumidores diz que adora o sistema click & collect e que este tem um impacto positivo na sua decisão de compra. 44% dos inquiridos diz que este serviço tem impacto no seu processo de fidelidade com uma marca ou restaurante.


Recomendações personalizadas


O estudo revela que os consumidores apreciam, e até esperam, recomendações proativas dos seus restaurantes favoritos, mas querem controlar o acesso aos seus dados. 48% dos inquiridos quer saber e ter controlo sobre a partilha dos seus dados.


Mais de 40% dos inquiridos diz que gosta de receber ofertas baseadas no seu histórico de compras e mais de 30% está disposto a partilhar os seus dados para receber essas ofertas. Quando as ofertas estão relacionadas com as suas preferências alimentares, mais de 40% dos inquiridos diz estar satisfeito por receber este tipo de comunicação, enquanto 30% diz estar dispostos a partilhar os seus dados para este fim.


Quase 50% dos inquiridos disse concordar em receber ofertas de marcas relacionadas com as suas marcas habituais e mais de 10% concorda em partilhar os seus dados para receber essas ofertas.



Sustentabilidade e escolhas saudáveis


Os consumidores são cada vez mais influenciados pela sustentabilidade das marcas, pelas iniciativas ambientais e de responsabilidade social empresarial, bem como pelas escolhas alimentares saudáveis.


Mais de 90% dos inquiridos acredita que os esforços para reduzir o desperdício alimentar e uma rotulagem clara da origem dos alimentos e dos ingredientes são essenciais. Quase 80% dos consumidores diz estar preocupado com a transparência no compromisso social das empresas de restauração.


Quase metade dos inquiridos estão preocupados com as embalagens recicláveis ou biodegradáveis. Mais de 40% dos consumidores que participaram no estudo diz ser positivamente influenciado por empresas que se preocupam com as emissões zero no seu método de entrega.



|Fonte: Grande Consumo, 3 de Fevereiro 2022

18 views