Tarte de bacalhau

Não nos fartamos de partilhar formas deliciosas (e saudáveis!) de comer bacalhau. Nesta tarte de bacalhau, juntamos o bacalhau à batata-doce, num belo casamento de sabores. Experimente!


Auchan




 

Grau de Dificuldade: Fácil | Tempo: Menos de 1 h

 

Ingredientes


  • 8 ovos

  • 1 batata doce grande

  • 1 posta de bacalhau desfiada

  • 200 g espinafres

  • 2 cebolas médias

  • 1/2 alho francês médio

  • 1/2 curgete média

  • 2 dentes de alho

  • 30 g salsa

  • 30 g coentros

  • 3 c. sopa bem cheias leite de coco (ou 80 ml de natas frescas)

  • 1 c. café pimentão doce

  • 1 c. café curcuma

  • q.b. pimenta

  • q.b. sal

  • q.b. azeite

Preparação


  1. Corte a batata-doce em rodelas finas e uniformes.

  2. Cubra o fundo da tarteira com as rodelas e leve ao forno, a 180 ºC, cerca de 10 minutos. Retire e reserve.

  3. Pique os alhos, corte as cebolas em meias luas finas, corte o alho-francês em rodelas finas, corte a curgete em quadrados finos, pique a salsa e os coentros. Numa frigideira, com azeite, coloque o bacalhau, as cebolas, o alho-francês, os coentros, a salsa, os alhos e os temperos. Deixe cozinhar lentamente cerca de 10 minutos. Por fim, adicione os espinafres e deixe cozinhar mais 10 minutos. Desligue o lume e reserve.

  4. Bata bem os ovos com o leite de coco e junte ao preparado anterior. Misture bem.

  5. Verta numa forma de tartes, por cima da base de batata-doce.

  6. Leve ao forno, cerca de 20 minutos, a 180 ºC.





Dica do NUTRICIONISTA


Nesta receita, apresentamos uma base de tartes alternativa: feita com batata-doce, em vez das habituais massas à base de farinha e gordura. Para além de ter um claro menor teor de gordura, sendo feita apenas de batata-doce, esta base tem ainda o benefício de não ser processada. E tem índice glicémico mais baixo do que se utilizasse, por exemplo, batata comum. Por isso, tem um maior poder saciante.

26 views

Related Posts

See All