"Consumir até..." ou "Consumir de preferência antes de..."?

A Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA) acaba de desenvolver uma ferramenta para ajudar os operadores do setor alimentar a decidir quando aplicar a "data-limite de consumo" ou a "data de durabilidade mínima" aos seus produtos.

A menção ‘consumir até…’ refere-se à segurança - os alimentos podem ser consumidos até essa data, mas não depois, mesmo que tenham boa aparência e cheiro. ‘Consumir de preferência antes de…’ refere-se à qualidade – o alimento é seguro após esta data, mas pode não estar no seu melhor. Por exemplo, o seu sabor e textura podem ter-se alterado.

Esta ferramenta aparece como consequência da estimativa da Comissão de que até 10% dos 88 milhões de toneladas de resíduos alimentares gerados anualmente na União Europeia estão relacionados com a marcação de data nos géneros alimentícios.

 

Segundo dados da Comissão Europeia 53% dos consumidores não sabe o significado do rótulo “Consumir de preferência antes de”. O prazo de validade é um elemento importante de verificar em alguns alimentos. Porém, para que seja fiável, o produto deve ser conservado nas condições corretas, tanto nos estabelecimentos comerciais como em casa.

Qual a diferença entre “Consumir até” e “Consumir de preferência antes de”?

Segundo dados da Comissão Europeia 53% dos consumidores não sabe o significado do rótulo “Consumir de preferência antes de”. O prazo de validade é um elemento importante de verificar em alguns alimentos. Porém, para que seja fiável, o produto deve ser conservado nas condições corretas, tanto nos estabelecimentos comerciais como em casa.

 

CONSUMIR ATÉ: o alimento não pode ser consumido depois da data indicada.

A que é aplicada? Produtos microbiologicamente perecíveis como por exemplo carne fresca, peixe fresco, iogurtes e queijo fresco

CONSUMIR DE PREFERÊNCIA ANTES DE: data até à qual o alimento conserva as suas propriedades específicas. A data limite é identificada com dia, mês e ano. Pode ser consumido depois do prazo indicado se forem respeitadas as regras de conservação.

A que é aplicada? Produtos não perecíveis microbiologicamente como por exemplo azeite, bolachas ou cereais.

CONSUMIR DE PREFERÊNCIA ANTES DO FIM DE: data até à qual o alimento conserva as suas propriedades específicas. A data limite é identificada apenas com mês e ano. O produto pode ser consumido depois do prazo indicado caso sejam respeitadas as regras de conservação.

A que é aplicada? Produtos não perecíveis microbiologicamente que, no entanto, pelas suas características de conservação têm uma durabilidade mais alargada. Exemplos: congelados, conservas.

 

Antes de deitar fora um alimento com rótulo "Consumir de preferência antes de" ou "antes do fim de”: observe o alimento e avalie o seu aspeto, cheire e experimente um pedaço para avaliar se é o sabor habitual do alimento.

O desperdício alimentar é uma realidade com valores tão elevados que surpreendem e chocam qualquer pessoa: segundo os dados da Organização das Nações Unidas Para a Alimentação e a Agricultura (FAO), todos os anos um terço da produção alimentar é desperdiçada no mundo.

Subscreva uma newsletter

que não vai deitar fora

adira ao movimento

Una-se a este movimento e ajude-nos a corrigir o erro.
 

Avenida de Ceuta – Estação de Alcântara-Terra, armaz. 1

1300-125-Lisboa


geral@ucd.pt

Siga-nos
 

  • Facebook
  • Instagram