top of page

Natal é uma época tipicamente associada ao desperdício, também para as empresas



Além das iguarias tradicionais da época, como o bolo-rei ou as broas castelares, A Padaria Portuguesa aposta, neste Natal, no regresso da lampreia de ovos, do pão de ló, da torta de laranja (que reaproveita na sua confeção compota produzida a partir do excedente de laranjas) e do chocolatíssimo. Mais: volta a implementar, pelo quarto ano consecutivo, uma ação solidária de recolha de brinquedos que vai permitir dar uma nova vida a bonecas, puzzles e jogos.

Em parceria com a Refood, os brinquedos recolhidos até 27 de dezembro serão oferecidos às crianças das famílias apoiadas por esta instituição. Brinquedos usados em perfeito estado ou novos, devidamente embrulhados, podem ser entregues nas 59 lojas d’A Padaria Portuguesa.


Além dos doces para degustar, que podem ser consumidos em loja ou no conforto de casa, havendo a possibilidade de encomendar estas iguarias, A Padaria Portuguesa disponibiliza ainda uma gama de produtos 'gourmet' que podem ser oferecidos na forma de presentes originais. As bolachas de Natal de gengibre e canela, produzidas na Fábrica de Marvila pela equipa do 'chef' pasteleiro Paulo Cardoso prometem fazer as delícias dos mais gulosos, e as velas aromáticas com cheiro a mirtilo, produzidas com recurso ao óleo alimentar usado, cumprindo a lógica da economia circular, vão perfumar e assinalar momentos inesquecíveis.

Para quem gosta de oferecer presentes 'made in' Portugal, A Padaria Portuguesa também disponibiliza nesta quadra natalícia, para venda nas suas 59 lojas, chocolates Vinte Vinte, Compotas confecionadas pela Semear (um negócio social inclusivo que emprega pessoas com deficiência e combate o desperdício alimentar), Rebuçados de Portalegre e Mel de Barros DOP, entre outras novidades.





|Fonte: Notícias ao Minuto, 19 de Dezembro 2022

20 views

Comments


bottom of page